14 de Novembro Dia Mundial do Diabetes

Pessoas que sofrem de hipotireoidismo, hipertensão, colesterol e triglicérides em excesso no organismo e DIABETES tem mais chances de ter crises de labirintite.
Atividade física e boa alimentação, aliadas contra vertigens e labirintite
A vertigem, um dos principais sintomas da labirintite, atinge 33% das pessoas em algum momento da vida. O que pouca gente sabe é que a doença pode ser resultado da má alimentação e até do estresse, portanto precisamos combater essas causas e a atividade física é nossa grande aliada.

Está demonstrado cientificamente que a prática regular de exercícios aumenta a resistência ao estresse e reduz os níveis de ansiedade, tão presentes no nosso cotidiano. O trânsito caótico, o acúmulo de tarefas, as cobranças sociais e outros fatores dessa natureza provocam uma série de incômodos de ordem emocional. É nesse contexto que a prática de exercícios físicos surge como um trunfo: além de auxiliar na manutenção da forma física, exercitar-se contribui para o fortalecimento da base emocional.

O exercícios são fundamentais para equilíbrio emocional e a explicação é simples. Quando realizamos esforço físico, nosso organismo aumenta a liberação de diversas dessas substâncias (neurotransmissores, hormônios), que acabam alterando o funcionamento do próprio sistema nervoso. Durante a prática de exercícios, há liberação acentuada de beta-endorfina e de serotonina. A beta-endorfina, além de gerar uma sensação de bem estar, altera o funcionamento de outros sistemas de neurotransmissores no sistema nervoso, o que contribui para um aumento da resistência ao estresse. Essas substâncias tem papel fundamental nas nossas sensações de prazer e bem-estar.

Se manter ativo é prioridade, mas é fundamental uma alimentação mais saudável, pra isso é importante seguir algumas regras básicas, que são:

1. Coma fracionadamente, ou seja, menos e mais vezes durante o dia — a cada três ou quatro horas é o ideal.
2. Consuma menos sal e açúcar. Esses alimentos interferem no balanço de sódio e potássio nas células, o que provoca um aumento de pressão na região do labirinto.
3. Diminua consumo de gorduras, principalmente as saturadas, que estão presentes em carne vermelha, chocolate, leite integral, alimentos embutidos, por exemplo.
4. Evite café, chá, refrigerantes com cafeína, cigarro e álcool. Eles são considerados agendes desencadeantes da labirintite. Procure consumir água durante o dia e de maneira regular.
5. Aumente o consumo de fibras, presente em grãos integrais, frutas e legumes, por exemplo. O ideal é consumir cerca de 20 a 40 gramas de fibras por dia.

Se mantendo ativo e se alimentando bem , ajudamos o corpo a funcionar num equilíbrio e ainda afastamos o estresse que é um “gatilho” para crises de vertigem e labirintite.

Fonte : http://www.sentirtontura.com.br/coluna-do-marcio-atalla

Marcio Atalla

É professor de Educação Física, concluindo a pós-graduação em Nutrição na Universidade de São Paulo - USP, consultor do quadro Medida Certa do Fantástico, da Rede Globo, colunista das revistas Marie Claire e Época. 

NEWSLETTER

Assine nossa newsletter e fique informado!

Desenvolvido por Fábrica de Tempo

Marcação de consulta Online

ou preencha o formulário abaixo:

  • Etapa 1
  • Etapa 2
cancelar CONTINUAR

Informações de exames: (escolha primeiro se é particular ou convênio)

cancelar